0008 edukators

#8 – Edukators: é pecado ser rico?

cp0008_edukators

Acredito que poucos ouviram falar do filme que irei abordar hoje. Primeiro porque ele é um filme alemão. E geralmente ficamos sabendo apenas dos filmes que são produzidos nos Estados Unidos. As vezes temos preconceito com a produção cultural européia, mas existem excelentes materiais sendo produzidos fora dos Estados Unidos. A segunda razão para esse filme ser meio desconhecido é que ele é bem alternativo, com uma temática bem sociológica, mas eu acho importante mesclarmos os filmes pipoca (aqueles que são produzidos apenas como justificativa de comermos pipoca enquanto vemos alguma coisa legal na TV)  com outros filmes um pouco mais cabeça, o chamado filme cult, com lições e discussões interessantes sobre o nosso mundo.

Bem, já enrolei demais e ainda nem falei o nome do filme. Ele se chama Edukators. Eu avisei que era alternativo e que você nunca tinha ouvido falar dele, né?  Normal, não se assuste com isso. O plot desse filme é bem simples. Ele conta a história de um grupo de jovens universitários da classe média, que são revoltados com a existência da desigualdade social. Essa expressão bonita nada mais quer dizer do que, alguns tem muito dinheiro e outros tem pouco. Ou seja, desigualdade social se refere ao problema de distribuição da riqueza em um país. O Brasil sofre desse grande mal. Ao lado de uma favela onde pessoas passam fome, vemos um bairro com mansões e, até mesmo, desperdício de comida.

Por causa da desigualdade social, que diga-se de passagem, é bem menor lá na Alemanha, onde se passa o filme, os educadores decidem invadir a casa de alguns ricos, mas não para roubar ou algo assim. Eles invadem a casa mudam todos os móveis e eletrônicos de lugar e escrevem na porta da sala:  você é rico, mas sua riqueza não te dá total segurança, estivemos aqui, assinado Edukators. Mensagem interessante, certo?

No restante do filme eles passam discutindo se esse tipo de ação estaria correta ou não. Como é quase certeza que você não tenha visto esse filme, não irei seguir adiante na história para não te atrapalhar caso queira ver o filme.

Mas uma coisa eu acho muito interessante em toda essa discussão. Será que ser rico é um problema? Será que não deveria existir riqueza no mundo? A pessoa rica é culpada por ser rica? Afinal, se você trabalhar bastante e acertar na vida, que culpa você teve de ficar rico? Você não mereceu essa riqueza? Todas essas perguntas são muito interessantes e devem ser discutidas por todos nós, principalmente aqueles que se consideram religiosos. Até mesmo Jesus entrou em assuntos relacionados ao dinheiro, riqueza e pobreza. Mas tenho certeza de que nunca chegaremos a uma resposta satisfatória para esse importante problema sociológico.

Mas veja bem. Não é porque não vou dar uma resposta definitiva (assim como o filme não dará), que irei me abster de tirar um outra importante lição dessa obra. Não devemos ver filmes apenas com temáticas simples e que nos deixam felizes. Essas obras também podem e devem servir para que possamos pensar, discutir e achar soluções para os problemas em que vivemos. Não veja filmes apenas para comer pipoca. Seja mais do que isso. Se você vê filmes, pare para pensar no que você está vendo e, principalmente, no por que de você estar vendo.

1 comentário em “#8 – Edukators: é pecado ser rico?Adicione o seu →

Deixe uma resposta