0027 toy story 1

#27 – Toy Story 1: ressentimento mortal

Na hilária animação Toy Story, Woody é um cowboy clássico de brinquedo e, como brinquedo favorito de Andy, é o respeitado xerife e líder de todos os outros brinquedos. Um dia, logo antes da família de Anddy se mudar para outro lugar na cidade, Andy recebe um novo brinquedo de aniversário – o Patrulheiro espacial Buzz Lightyear do Comando Estelar.

Buzz possui tantas características legais que todos os outros brinquedos ficam admirados com ele, que rapidamente toma o lugar de brinquedo favorito do Andy. Woody lamenta: “Que chance um brinquedo como eu possui contra o boneco do Buzz Lightyear?” Para complicar a situação, Buzz não consegue aceitar o fato de que ele é apenas um brinquedo, pois pensa que é realmente um patrulheiro espacial em uma missão de salvar a galáxia.

Woody, cheio de inveja declara, “Fique longe do Andy. Ele é meu, e ninguém irá tirá-lo de mim.” Woody decide substituir Buzz durante uma saída da família empurrando Buzz para trás da mesa do Andy, mas as coisas dão erradas e o patrulheiro acidentalmente cai da janela. Os outros brinquedos se voltam contra Woody, pensando que ele tentou matar o Buzz.

Woody percebe que precisa resgatar Buzz, e a aventura que se segue é uma hilariante lição das consequências da inveja. Woody tenta convencer Buzz de que ele é apenas um brinquedo de ação e Buzz finalmente aceita o fato. E de sua parte, Woody finalmente admite que Buzz é muito mais legal que ele como brinquedo. Ao fim, cada brinquedo arrisca sua vida para resgatar o outro, e acabam se reunindo aos outros brinquedos na nova casa do Andy.

Na Bíblia, Jacó tinha um filho preferido, chamado José, e lhe deu um casaco fino e cheio de cores. Os outros dez irmãos de José ficaram com tanta inveja dele que o venderam como escravo para o Egito, e então, disseram ao pai deles que José tinha sido morto por uma besta selvagem. Talvez nós possamos pensar que nunca faríamos algo tão hediondo assim, mas lembre-se, Woody também não queria matar Buzz, mas a inveja o levou a cometer algo ruim.

A Bíblia nos adverte que “O ressentimento mata o insensato, e a inveja destrói o tolo.” Jó 5:2, e destaca que “onde há inveja e ambição egoísta, aí há confusão e toda espécie de males. Tiago 3:16. Incluindo coisas que nunca pensamos que faríamos. Por isso, não permita que a inveja entre no seu coração.

1 comentário em “#27 – Toy Story 1: ressentimento mortalAdicione o seu →

Deixe uma resposta